quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Ano novo, renove sua fé!



“O SENHOR lhe disse:
“Saia e fique no monte, na presença do SENHOR,
pois o SENHOR vai passar”.
(1 Reis 19:11)

Muitas vezes uma repreensão é uma bênção disfarçada. Elias precisava de que o tratassem assim para que se despertasse nele uma compreensão de seu temor infundado. Um indivíduo como ele não tinha direito a estar indeciso e descontente. Se saísse e se pusesse no monte diante de Jeová, em vez de esconder-se numa caverna, encontraria nova inspiração através de uma nova visão do poder de Deus! Quando estamos vivendo nos porões da terra, deixamos de captar as visões inspiradoras de Deus, que são o verdadeiro suporte da vida profética. Devemos sair ao sol e subir ao monte, se quisermos discernir essas provas do poder de Deus que estão sempre disponíveis para a renovação da fé e do valor diante de Deus.

A carriça de crista dourada é um dos menores pássaros que existem. Dizem que pesa somente 6 gramas e, mesmo tendo asas mais frágeis do que qualquer outra espécie, enfrenta furacões e cruza os mares do norte.

Muitas vezes parece que, na natureza, a onipotência opera somente nos organismos mais frágeis; certamente a onipotência da graça se vê em maior grau no santo temeroso mas decidido.

Nas pradarias norte-americanas, as mariposas se dirigem ao oeste nas suas migrações e avançam sem deter-se ainda que haja ventos contrários e um mar para atravessar. As delicadas mariposas me repreendem.

(“Manantiales en el Desierto”, Lettie Cowman, Ed. Vida-Zondervan, meditação de 28 de janeiro)